revista-qmix-logo
Médico especialista em dor

Médico especialista em dor: quem é o profissional?

Com o home office e ficar longos períodos na posição sentada, as pessoas começaram a pesquisar sobre médico especialista em dor quem é o profissional?

Se você sofre com dores, não importa em qual região do corpo, e após descartada uma doença mais séria, sabe o quanto isso afeta sua qualidade de vida.

E é provavelmente por isso que você chegou até aqui!

Geralmente, o médico que trata a dor é o ortopedista e reumatologista, porém, atualmente existe uma nova área na Medicina, que é justamente a Medicina da Dor.

Para você entender como esse profissional pode te ajudar, continue a leitura para saber o que faz o médico especialista em dor e quais as dores que trata.

Médico especialista em dor quem é o profissional?

Quando a pergunta é sobre médico especialista em dor quem é o profissional, pode parecer um pouco redundante, mas é um profissional de saúde especialista em tratar todos os tipos de dor.

Ou seja, é um médico que se especializou no tratamento da dor, o que requer profundo conhecimento em fisiologia da dor, além da capacidade de avaliar as possíveis causas da dor.

Também cabe ao médico especialista em dor prescrever medicamentos, bem como realizar procedimentos, como bloqueios de nervos, injeção de corticoides, entre outros.

Então, respondendo à pergunta sobre quem é o profissional especialista em dor, é o médico que fez uma especialização no tratamento da dor, cujo principal objetivo é controlar e aliviar a dor.

Médico especialista em dor o que trata?

Médico especialista em dor trata dores agudas e crônicas, que podem ter origens diversas.

É bom diferenciar dor aguda de dor crônica. A dor aguda é aquela que surge subitamente e geralmente passa após um período, como uma cólica menstrual ou decorrente de uma contusão, isto é, fácil de ser identificada.

No caso da dor crônica, é aquela que já está instalada, com um quadro persistente, com duração de mais de três meses, podendo ou não estar associada a uma doença pré-existente.

Uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Estudos da Dor mostra que cerca de 37% dos brasileiros sofrem com dores crônicas.

E o que faz o médico especialista em dor?

Além de solicitar exames de imagem a fim de identificar a causa da dor, o médico ouve atentamente o paciente, pois muitas vezes, existem fortes emoções envolvidas nesse processo.

É necessário saber o ponto exato da dor e classificá-la para então propor o plano de tratamento.

Além de aliviar e controlar a dor, o médico especialista em dor procura devolver ao paciente uma melhor qualidade de vida, afinal, não tem como viver com dor ou com um quadro doloroso.

Quando procurar um médico especialista em dor?

Se você está sentindo dores persistentes, e mesmo com o tratamento convencional não houve qualquer melhora, é o momento de procurar um médico especialista em dor.

Lembre-se que é o profissional que avalia, diagnostica e trata todos os tipos de dor.

Tenha em mente que é possível sim aliviar as dores, o que vai se refletir em mais saúde e melhor qualidade de vida.